Mulher e vinho: duas expressões incríveis, vivas e indomáveis!

Hoje é dia de falar daquelas que sempre entregam mais do lhes é pedido, que esbanjam carinho, afeto, dedicação e paixão pelo que fazem!!

As mulheres estão crescendo na participação da economia e sua participação na indústria vitivinícola segue essas estatísticas. Consultando informações da CNI, mais de 39% dos cargos de gerência são ocupados por mulheres e 50% dos novos empreendimentos abertos no país tem elas como responsáveis, segundo o Sebrae.

Na indústria do vinho não poderia ser diferente, mesmo vindo de um setor onde sempre foi majoritariamente masculino, o aumento de interesse das mulheres nas degustações, no consumo, compra e venda dos vinhos, além de novas profissionais na área - enólogas e sommelièrs, tem trilhado um belo caminho para mudar esses fatos. E certamente elas sabem o que estão fazendo: pesquisas de importante revista no setor alimentício, a Food Quality and Preference, apontaram que elas conseguem distinguir aromas que os homens normalmente não distinguem, afirmando assim que elas possuem um paladar mais apurado tendo maior facilidade de degustação nos produtos provados.

A explicação dos estudos publicados pela Food Quality amd Preference, afirma que este resultado se deve ao peso emocional que ambos os sexos depositam no vinho na hora da degustação. De acordo com os dados, as pessoas do sexo masculino tendem a apresentar um comportamento emocional mais forte em relação à bebida e como consequência maior dificuldade na análise olfato-gustativa do produto.

Complementando essas informações, outra pesquisa realizada pelo Instituto de Ciências Biomédicas da UFRJ (2014), apontou que as mulheres são dotadas de 50% mais células presentes no bulbo olfatório, área do cérebro responsável por identificar os aromas percebidos. Mas não é apenas sobre isso que os números do mercado do vinho entorno das mulheres são satisfatórios, em questão de consumo, já nos anos de 2014, em alguns lugares do mundo, as mulheres já eram as responsáveis pelo maior consumo da bebida, como por exemplo os EUA, sendo que alguns desses países já superavam 60%.

Elas consomem, compram vendem, fazer e indicam vinhos como ninguém e não é para menos, as mulheres estão presentes na cultura do vinho desde os tempos dos bacanais (homenagem na mitologia grega ao Deus Baco – o Deus do vinho), das lendas persas e da Bíblia.

Elas já são 50% das turmas de Sommelièrs, segundo a Associação Brasileira de Sommelièrs!


Elas!

Você sabia que, no Egito, há mais de 3000 anos existia uma sommelièr? Sim e era na Babilônia! Além disso, existem gravuras de mulheres trabalhando nos vinhedos, o que mostra que o vinho está em seu sangue. O propósito das mulheres naquela época era escolher e servir, além de beber, diferentemente da cultura da Roma e Grécia em que elas eram abstidas desses prazeres. E foi nesse meio, com essa independência que, após muito tempo, começaram a surgir as “viúvas empreendedoras”.

Conheça algumas mulheres marcantes no mundo do vinho:

  • Madame Clicquot-Ponsardin – inventora do remuage (processo realizado na espumantização), dos champagnes rosés e vintage;

  • Pommery - França;

  • Françoise-Josephine de Sauvage d’Yquem – matriarca da, hoje, casa do vinho doce mais caro mundo;

  • Lalou Bize-Leroy – chamada de “A rainha da Borgonha” por ser uma das maiores acionistas da Romanée Conti e proprietária da Leroy;

  • Pascaline Lepeltier – uma das únicas profissionais sommelièrs a ganhar o primeiro lugar no Court of Master Sommeliers;

  • Robin Daniel Lail – proprietária da Lail Vineyards em Napa, Califórnia;

  • Essi Avellan e Jancis Robinson – responsáveis pela carta de vinho dos eventos da família real britânica;

  • Pauline Lhote – Enóloga da Domaine Chandon, Napa Valley, California;

  • Elena Walch – Proprietária da vinícola Elena Walch, Alto Adige, Itália;

  • Susana Balbo – Conhecida como “A Rainha do Torrontes” ela é enóloga e produtora da Dominio Del Plata, Mendoza, Argentina;

  • Trizanne Barnard – Viticultora e enóloga da Trizanne Signature Wines, África do Sul;

  • Laura Catena – Diretora-geral da Catena Zapata, proprietária da vinícola Luca e criadora do Instituto Catena Wine, Mendoza, Argentina;

  • Sophie Conte – Proprietária dos orgânicos da Fattoria Tregole, Castellina, Itália;

  • Nora Iriarte – Famosa enóloga da Cramele Recaş, Timisoara, Romênia;

  • Izabella Zwack – Proprietária da Dobogó, em Tokaj, Hungria;

  • Louisa Rose – Proprietária da vinícola Yalumba no sul da Austrália;

  • Eva Fricke – Enóloga e proprietária da marca Eva Fricke, em Keidrich, Alemanha;

  • Entre tantas outras.

Vamos falar de saúde?

É óbvio que o vinho é uma bebida amada pela grande maioria, mas você sabe dos benefícios que estes trazem para as mulheres? Acompanhe conosco:

  • Redução dos efeitos da menopausa

  • Controle do peso

  • Agem contra o envelhecimento, prevenindo rugas e flacidez;

  • Melhoram a saúde do cabelo;

  • Ajudam na circulação sanguínea;

  • Previnem problemas cardíacos;

  • Controle da pressão alta e diabetes;

  • Previne o Alzheimer e a osteoporose;

  • Estimulação da libido;

  • Agente protetor contra diversos tipos de câncer, como o de mama, ovário e pele;

Entre tantos outros benefícios como relaxamento, manutenção da saúde da sexualidade e momentos alegres de descontração.


Os vinhos.

Certamente você já ouviu a expressão “vinho para mulher”, pois a Primo Fior sabe que essa expressão é um mito! – TODO vinho é vinho para mulher! Na verdade, o que conta na hora da escolha é o seu gosto pessoal, a ocasião em que irá degustá-lo e as experiências previamente adquiridas.

"Vinho e mulher é simplesmente uma das harmonizações mais perfeitas do universo inteiro! São dois tesouros, duas expressões da natureza, cheias de vida, indomáveis, livres, ousadas e inquietas!" (M. L. FRARON, 2021)

Aqui você pode mergulhar no mundo dos vinhos da Primo Fior e escolher seu Branco, Rosé, Tinto e Espumantes favoritos! Não quer vinho? Bem aqui, você encontra os nossos deliciosos sucos de uva!


Feliz dia Internacional da Mulher!

Você conhece uma mulher que admira e que ama vinho? Então compartilha com ela para dizer o quanto ela te inspira! Não deixa de curtir e comentar aqui também!

Escrito por Maria Lúcia Fraron - enóloga.

68 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo